O Espetacular Homem-Aranha (The Amazing Spider-Man) – Crítica


Um dos filmes mais aguardados de 2012 finalmente estreou, O Espetacular Homem-Aranha recomeça a série do cabeça de teia nas telonas, ignorando a trilogia cinematográfica anterior do personagem das HQs.

Quem assume a direção do filme deixada por Sam Raimi é Marc Webb, e o papel de Peter Parker dessa vez é Andrew Garfield que interpreta.

Neste, Peter Parker (Andrew Garfield) é um rapaz tímido e estudioso, que tem uma queda pela bela Gwen Stacy (Emma Stone), sua colega de colégio. Ele vive com os tios, May (Sally Field) e Ben (Martin Sheen), desde que foi deixado pelos pais, Richard (Campbell Scott) e Mary (Embeth Davidtz). Certo dia, o jovem encontra uma misteriosa maleta que pertenceu a seu pai. O artefato faz com que visite o laboratório do dr. Curt Connors (Rhys Ifans), que trabalhava com seu pai na Oscorp. Parker está em busca de respostas sobre o que aconteceu com os pais, só que acaba entrando em colisão com Connors, o vilão Lagarto.

O filme é bem melhor do que a trilogia anterior, sei que muitos vão discordar com minha opinião, os de Sam Raimi são bons, menos o terceiro que é emo ao extremo, mas este me animou mais.

Os personagens estão ótimos no filme, Peter é um nerd, mas não tão exagerado quanto nos anteriores, ele sempre foi cômico nos quadrinhos e nos outros aparecia apenas um Tobey Maguire com uma cara de “sou um merda”. Neste ele anda de skate e enfrenta o pessoal do colégio mais de frente. Todos os outros personagens também estão bem, o novo par romântico de Peter, Gwen Stacy, que está adorável, sendo muito bem interpretada por Emma Stone. Melhor que Mary Jane que dava para entender que era meio que uma vadia, se apaixonando pelo Homem Aranha mas não pelo Peter Parker, diferente da Gwen.

Os atores deste humilham o do anterior. Andrew Garfield está perfeito no papel, e entre Kirsten Dunst e Emma Stone, sou bem mais Emma. Além do ótimo Martin Sheen como Tio Ben.

Marc Webb sabe conduzir cenas mais descontraídas que lembram as de (500) Dias com Ela, ou seja, o romance entre Peter Parker e Gwen Stacy é muito superior ao presente na trilogia de Sam Raimi, lembrando que Garfield e Stone são namorados na vida real, tendo bastante química entre os dois.

O vilão, o Lagarto (um dos meus favoritos) está bem legal também. Rhys Ifans está bem no papel como Connors, mas depois que ele vira o Lagarto pela 1ª vez, ele quer mais e mais poder, e nos gibis ele quer se livrar dessa maldição. Disso eu não concordei muito no filme, mas até que gostei do resultado. Comparando ele aos vilões anteriores não chega aos pés de Norman Osborn, que é citado bastante no filme, mas fica no nível do Dr. Otto Octavius, e bem melhor do que os vilões do terceiro, que foi uma lástima.

Visualmente Homem- Aranha é excelente e recomendo que seja assistido em 3D, que foi muio bem explorado, principalmente nas cenas em primeira pessoa, em que o personagem de Andrew Garfield voa pelos prédios de Nova York, suas teias parecem estar entrando no cinema. Além da aparência do Lagarto e outros efeitos que estão muito bons.

O filme tem ritmo e consegue prender o tempo todo desde início, e as cenas do colégio nesse também estão melhores e mais engraçadas. Este também é mais fiel aos quadrinhos, não tendo um Peter soltando teias pela sua pele, mas sim por um dispositivo, por exemplo. E a trilha sonora é excelente, aquela cena do Peter andando de skate a som de “Til’ Kingdom Come”, do Coldplay é simplesmente foda.

O Espetacular Homem-Aranha consegue ser bem engraçado, característica conhecida nas HQs, já na trilogia anterior nem tanto, tendo praticamente apenas o J. Jonah Jameson (J.K. Simmons) com papel cômico.

Enfim, O Espetacular Homem-Aranha pode ter seus clichês como muitos filmes, mas se destaca por sua ação, romance, por ser engraçado e até mesmo emocionar, então este correspondeu minhas expectativas, assim como todos os filmes da Marvel ultimamente. Se o primeiro foi bom, o segundo ótimo e o terceiro um cúmulo, chega aos cinemas um espetacular.

Aviso: Tem uma cena após os creditos

Nota: 8.5

Anúncios

Sobre Guilherme Awesome Dude

Fanático por games, filmes séries e pelo Palmeiras, além de um bebedor de cerveja que não recusa um convite para se divertir com os amigos, desde que o líquido esteja gelado.

Publicado em 7 de julho de 2012, em Filmes e marcado como , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Gostei muito do post, apesar de achar que este filme seja superior ao primeiro de 2002, você esta coberto de razão por indicar que Garfield fica melhor como Parker e gostei da sua reflexão sobre ele ter ficado um nerd menos esteriotipado. Eu não havia pensado nisso….Muito bom, valeu!!!

  2. Gosto do personagem antigo, mas vale a pena conferir este, post bem sugestivo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: