G.I. Joe – Retaliação (G.I. Joe: Retaliation) – Crítica


G.I. Joe – Retaliação (G.I. Joe Retaliation)

Depois do fraco G.I. Joe – A Origem de Cobra, a história inspirada nos brinquedos Comandos em Ação, volta com G.I. Joe – Retaliação, um filme bem diferente do primeiro de 2009.

Pra quem gosta de filmes de ação, esse é um prato cheio, o novo G.I. Joe faz bem mais que seu anterior, ele faz entreter, não apenas se preocupando com efeitos especiais e mega armas.

Desta vez protagonizado por Dwayne Johnson, conhecido também como The Rock, a trama começa do jeito que terminou o último, com o presidente norte-americano substituído por Zartan (Arnold Vosloo), o mestre em disfarces do grupo terrorista Cobra, que consegue desestabilizar os Joes em um ataque onde extermina quase toda a elite, cabe aos sobreviventes salvar o mundo dos planos de Cobra.

G.I. Joe – Retaliação (G.I. Joe Retaliation) - The Rock

O diretor Jon Chu faz o possível para deixar este segundo G.I. Joe atrativo, com ótimas cenas de ação, e uma dose certa de humor.

Além de The Rock, Bruce Willis também faz parte desse longa, uma dupla bem brucutu, que mete bem mais medo aos inimigos que  Marlon Wayans, o Ripcord do primeiro. Apesar de ser uma sequência, poucos personagens do primeiro filme retornam: apenas Duke (Channing Tatum) e os ninjas Snake Eyes (Ray Park) e Storm Shadow (Lee Byung-hum). SPOILER A SEGUIR: Considerando que o primeiro morre logo no início e o segundo não fala, a condução da história fica mesmo a cargo dos novos personagens. FIM DO SPOILER

G.I. Joe – Retaliação - Bruce Willis e The Rock

No elenco, quem se destaca é The Rock, que está muito confortável no papel e tem boas sequencias, Adrianne Palicki, a Lady Jaye, também segura o seu papel de “gostosa”, Ray Stevenson está bem também, protagonizando uma grande cena luta com The Rock. Mas o  ponto alto fica por conta das lutas entre os ninjas, responsáveis pelo núcleo mais interessante da história. As artes marciais representadas por ambos são uma brisa de ar fresco no meio de todo o tiroteio no filme e deixam um gostinho de quero mais.

G.I. Joe – Retaliação - Storm Shadow

Sobre o roteiro soa até injusto criticar um filme que tem como objetivo apenas divertir com seus tiroteios e explosões, mas que é necessário para dar uma coerência mínima para qualquer história. O filme é bem exagerado, e os clichês também estão presentes, mas nada que desvalorize demais o longa.

Os efeitos especiais do filme são muito bons, o 3D é uma boa pedida, mas nada de novo, G.I. Joe – Retaliação é bem bacana, e outra continuação já foi confirmada. Tente apreciar o filme, tenha em mente a criança que você foi quando tinha seus brinquedos e os colocavam apenas para duelar sem grandes motivações… assim como grandes líderes mundiais estão fazendo nesse momento, porém com nações inteiras.

Nota: 7,5

Anúncios

Sobre Guilherme Awesome Dude

Fanático por games, filmes séries e pelo Palmeiras, além de um bebedor de cerveja que não recusa um convite para se divertir com os amigos, desde que o líquido esteja gelado.

Publicado em 12 de abril de 2013, em Filmes e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. João Alexandre Rodrigues

    Filme com o The Rock é sinônimo de sucesso! Quero muito assistir G.I. Joe.

  2. Preciso ver esse filme…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: